Vencedor do 1º Prémio dos Open World Awards 2017 da momondo // Vencedor do prémio Blogue de Fotografia de Viagens 2014, 2015 e 2016 da BTL Blogger Travel Awards

Índia: uma carta de amor

Índia, tinha saudades tuas. O nosso último encontro foi há quatro anos e foi de tal forma intenso que me deixaste marcas, porventura para sempre. Não foi um encontro fugaz, mas longo e intenso. Dizem que não deixas ninguém indiferente – ou te amam ou te odeiam. Confirmo em absoluto. No meu caso adorei-te. Apesar de me teres deixado apreensivo no primeiro dia – podes ser muito cruel no primeiro dia e tu sabes -, a verdade é que a paixão foi crescendo e, quando tive de te dizer adeus, o amor já me enchia o coração.

Nestes quatro anos não deixei de pensar em ti e em como queria tanto voltar a ver-te. As novas tecnologias permitiram-me atenuar a saudade, mas não vencê-las. Tinha de voltar. Prometi que assim que tivesse oportunidade voltava a visitar-te. A oportunidade chegou este ano e não hesitei. Será que mudaste? Eu mudei. Já não sou a mesma pessoa que era há quatro anos. Aprendi a ter mais calma, a viajar menos mas a viver mais, a ver menos mas a estar mais. E tu, será que mudaste? Ansioso por saber. Aí vou eu.

Estou de regresso. Mais uma vez tive de te dizer adeus. Custou-me ainda mais a despedida. É difícil pôr por palavras o que passámos. Mas sabes que mais? Tal como da última vez decidi partilhar os nossos momentos, as nossas histórias, as nossas fotografias. Sim, quando me faltam as palavras posso-me refugiar nas fotografias para tentar contar a nossa história e, assim, pelo menos, tentar atenuar a saudade. Até breve.



Comentários (2)