Vencedor do 1º Prémio dos Open World Awards 2017 da momondo // Vencedor do prémio Blogue de Fotografia de Viagens 2014, 2015 e 2016 da BTL Blogger Travel Awards

Em modo grande-angular – A Fujinon 10-24mm F4


 

 

Este mês tive a oportunidade de testar a Fujinon XF 10-24mm F4, uma objectiva grande-angular da Fujifilm. Testei-a na região do Lincolnshire, em Inglaterra e é sem dúvida uma objectiva essencial num kit de qualquer fotógrafo, até mesmo de um que se dedique somente ao retrato. Mas é na paisagem que a 10-24 se destaca, mesmo que na realidade, equivala a uma 15-35mm de uma camera full-frame. Usei-a na minha XT-1 e foi de facto uma tentação mantê-la sempre na distância focal de 10mm, aproveitando todo o seu potencial. A abertura de f4 não é especialmente luminosa, mas é compensada pelo estabilizador de imagem, essencial sobretudo quando há menos luz, como ao final do dia ou em interiores.

pic_01

Pontos positivos

– construção sólida, em metal. Um prazer manuseá-la

– autofoco silencioso e quase instantâneo

– O estabilizador óptico de imagem, perfeito para situações de pouca luz

– Não se nota a distorção típica das objectivas grande-angulares

– Produz imagens nítidas, mesmo a f4

– Ao contrário de outras objectivas da linha XF, a 10-24 tem a numeração referente à abertura no corpo

– A 24mm, e equivalente a 35mm, é ideal para fotografia de rua mais abrangente, não se circunscrevendo apenas a ser uma grande-angular

 

Pontos negativos

– Sendo uma objectiva de um sistema mirrorless, é bastante grande e pesada (400 gramas)

– Para usar o foco manual é necessário mover um controlo no corpo da objectiva

– O bokeh (a efeito desfocado em grandes aberturas) não é especialmente generoso a f4

 

Conclusão

Se a recomendo? Sem dúvida! Assim que possa farei tudo para ter uma sempre comigo. Até lá ficam algumas fotos:

FUJI3860 FUJI3846FUJI3254FUJI3234FUJI3478FUJI3217 FUJI3503FUJI3259  FUJI3488  FUJI3533 FUJI3545 FUJI3567FUJI3579


Deixe um comentário